A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/02/2009 07:17

Homem é preso com 572 quilos de maconha em Paranaíba

Redação

Ação conjunta da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e PF (Polícia Federal) prendeu na noite dessa segunda-feira, na BR-158, em Paranaíba, a 410 quilômetros de Campo Grande, o motorista Marcelo Macedo Disconzi, 36 anos.

Ele dirigia uma Scania, de São Borja, Rio Grande do Sul, cujo reboque estava recheado com diversos tabletes de maconha, que totalizaram 572,7 quilos de maconha.

Ao ser abordado, Marcelo disse que a carreta estava vazia e que havia sido contratado em Ponta Porã para levar o veículo até a cidade de Ituitaba, Minas Gerais. No município mineiro, deixaria o caminhão o pátio de um posto de combustíveis.

Depois, ele acabou confessando que transportava droga, e que uma pessoa o estaria lhe aguardando no posto e indicaria o local para descarregar o entorpecente.

Marcelo contou aos policiais rodoviários que havia viajado, no fim de dezembro, de São Borja, onde mora, para São Paulo, com uma carga de arroz. Depois, levaria uma carga de ração suína da cidade de Campinas, São Paulo, para a cidade de Chapecó, Santa Catarina.

No entanto, no dia 28, a caixa de câmbio e a embreagem da Scania estragaram e ele foi até uma oficina. No local, conheceu um homem de apelido Alemão, que lhe propôs transportar droga.

No dia 6 de janeiro ele seguiu com a Scania, já consertada, para Ponta Porã, onde, seguindo orientações do Alemão, trabalhou por cerca de um mês fazendo frete. Marcelo disse que transportava milho da Fazenda Jotabasso, para o armazém da Kowalski em Apucarana, Paraná.

O motorista contou ainda que nesse domingo, 8, um homem paraguaio, que se identificou como Jorge, o procurou a mando de Alemão e levou a Scania dele para Pedro Juan Caballero, onde preparou a maconha para ser transportada no reboque.}

Marcelo foi encaminhado à PF de Três Lagoas.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions