ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 19º

Interior

Ação com 4 caças e 1 helicóptero apreendeu 1 tonelada de cocaína

Aeronaves estavam carregadas de drogas, uma delas foi interceptada em Ivinhema

Por Gabriel Neris e Marta Ferreira | 02/08/2020 14:32



Quatro caças A-29 Super Tucano da FAB (Força Aérea Brasileira) e um helicóptero foram mobilizados neste domingo (2) para deter duas aeronaves que juntas transportavam mais de uma tonelada de cocaína.

As ações contaram com o apoio da Polícia Federal. De acordo com a FAB, foram duas ações simultâneas.

Segundo a FAB, a primeira envolveu um monomotor, modelo EMB-720 Minuano, que foi escoltado para pouso obrigatório somente em Rondonópolis, onde a Polícia Federal assumiu a ocorrência. Dentro da aeronave haviam 450 kg de cocaína. Os pilotos foram presos.

A segunda ação envolveu um bimotor B-58, orientado a pousar em Três Lagoas. Porém, o piloto não cumpriu a ordem e pousou em propriedade rural de Ivinhema. A aeronave transportava cerca de 700 kg de cocaína.

Durante as buscas da Força Tática e Batalhão de Choque da Polícia Militar, nenhum suspeito foi encontrado, mas buscas começaram a ser realizadas com o apoio da FAB e Polícia Federal de Dourados.

Segundo o Jornal da Nova, a aeronave tinha Nova Andradina como destino e seguiria para Três Lagoas. Os caças da FAB envolvidos na operação estão na Base Aérea de Campo Grande.

Aeronave interceptada em Ivinhema (Foto: Direto das Ruas)
Aeronave interceptada em Ivinhema (Foto: Direto das Ruas)