A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/04/2016 08:36

Após rebelião, presos são transferidos de delegacia para cidades vizinhas

Caroline Maldonado
Rebelião foi contida pelos policiais militares do 2º Pelotão de Polícia Militar (Foto: Interativo)Rebelião foi contida pelos policiais militares do 2º Pelotão de Polícia Militar (Foto: Interativo)

Detentos tiveram que ser transferidos da delegacia de Aparecida do Taboado, a 481 quilômetros de Campo Grande, depois de destruírem as celas e tentar fugir pelo corredor central. Eles foram encaminhados para unidades prisionais de cidades vizinhas.

Segundo o jornal Interativo, policiais militares conseguiram impedir a fuga e conter a rebelião, no sábado (16) e no dia seguinte, os presos foram levados para detenção em unidades de municípios vizinhos.

A delegacia de Polícia Civil do município não informou qualquer detalhes sobre o ocorrido. Foi informado ao Campo Grande News que somente o delegado poderá falar sobre o assunto, durante o período da tarde.

A rebelião foi contida pelos policiais militares do 2º Pelotão de Polícia Militar de Aparecida do Taboado, subunidade integrante do 13º Batalhão. A transferência dos detentos foi comandada pelo aspirante a oficial policial Kleber de Souza Oliveira com o apoio do delegado de Polícia Civil, Lúcio Fátima de Barros.

Outro caso - Em maio de 2015, cinco detentos com idades entre 18 e 28 anos, atearam fogo em colchões durante rebelião. As chamas foram contidas pelo próprios presos. Eles reivindicavam a transferência para presídios. 

Em julho de 2014, os presos fizeram motim e destruíram parte das celas da delegacia. Na época, havia 12 detentos no local e apenas quatro deles não participaram da ação. Os internos atearam fogo em colchões, destruíram corredor e celas. Além de policiais civis da delegacia, foram acionados a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros para conter o principio de incêndio.

Detentos queimam colchões durante motim em delegacia de polícia
Cinco detentos com idades entre 18 e 28 anos vão responder por dano qualificado contra o patrimônio público por atear fogo em colchões durante motim ...
Ação pede a transferência de presos detidos na delegacia de Bonito
O MPE (Ministério Público Estadual) ingressou com ação civil pública pedindo à Justiça que determine a transferência imediata de todos os presos prov...
Sicredi faz doação para reformas de quartos no Lar do Idoso de Dourados
A agência Integração do Sicredi de Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - fez a doação de recursos para a reforma de 14 quartos no L...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions