A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

22/07/2019 22:27

Baleado com dois tiros morou na casa de um dos envolvidos em atentado

Suspeito, identificado apenas como Ailton e o comparsa ainda não foram localizados pela polícia.

Adriano Fernandes
Vítima e bombeiros em frente a porta da emergência do Hospital da Vida que estava trancada. (Foto: Adilson Domingos) Vítima e bombeiros em frente a porta da emergência do Hospital da Vida que estava trancada. (Foto: Adilson Domingos)

Um “desacordo comercial” com um dos dois suspeitos, pode ter motivado a tentativa de homicídio contra Leonardo Nunes dos Santos, de 26 anos, esta noite (22) em Dourados, cidade a 233 quilômetros de Campo Grande.

Em depoimento à polícia a vítima contou que conhecia um dos envolvidos no atentado, identificado apenas como Ailton. Ele seria o proprietário de uma residência onde ele morou recentemente, na cidade.

No boletim de ocorrência sobre o caso, no entanto, não há detalhes sobre esse suposto desacordo, que possivelmente seja alguma dívida. Nem Ailton ou o comparsa ainda foram encontrados pela polícia.

O caso – Leonardo estava em sua residência na esquina da Rua Natal com Alameda Medeiros, no Conjunto Flor de Liz, quando a dupla chegou em um veículo Corsa, prata. 

Eles desceram e em seguida Ainton teria o segurado para que o outro criminoso, atirasse duas vezes. Um dos disparos atingiu o tórax do rapaz. Ele ainda conseguiu sair correndo e pedir socorro em residência na esquina da Rua Dom João VI, onde permaneceu até a chegada da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. 

Leonardo está internado no Hospital da Vida de Dourados e ainda não há informações sobre o seu estado de saúde

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions