A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

31/10/2014 08:16

Bandidos invadem casa, aterrorizam casal e idoso de 89 anos morre no assalto

Viviane Oliveira
Funerária retirando o corpo da vítima, que morreu durante assalto. (Foto: Márcio Rogério/Nova News) Funerária retirando o corpo da vítima, que morreu durante assalto. (Foto: Márcio Rogério/Nova News)

O idoso Pearcy Pael Castro, 89 anos, caiu, bateu a cabeça e morreu durante assalto por volta das 22h de ontem (30), na Rua São José, em frente à Câmara Municipal, no Centro de Nova Andradina, distante 300 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com o site Perfil News, pelo menos dois criminosos pularam o muro da residência da vítima, passando por um portão localizado ao lado da casa, que dá entrada pela porta dos fundos. Os ladrões, que estavam armados, renderam Pearcy e a esposa de 79 anos. Os bandidos passaram a exigir que o casal entregasse os objetos de valor que havia no imóvel, como joias e dinheiro.

Os criminosos reviraram os cômodos da casa e encontraram um cofre. Eles tentaram obrigar o idoso a abri-lo, mas a vítima, muito nervosa, não conseguiu e passou a ser agredido pelos ladrões. Durante as agressões, em circunstância que a polícia ainda apura, o idoso caiu, bateu cabeça e morreu. Toda a ação aconteceu na frente da esposa de Pearcy.

Sem conseguir abrir o cofre, os ladrões fugiram depois de recolher algumas joias e outros pertences considerados de valor. Um dos autores chegou a deixar um par de chinelos na casa da vítima. Com a saída dos bandidos, a idosa saiu gritando por socorro e pessoas que passavam na rua acionaram a polícia.

Idoso tinha 89 anos. Foto: Arquivo da família) Idoso tinha 89 anos. Foto: Arquivo da família)

O idoso era um dos pioneiros da cidade e filho de Austrílio Capilé Castro, que foi o primeiro juiz de paz da história de Nova Andradina e dá nome a uma escola e um bairro da cidade. A ocorrência de latrocínio, roubo seguido de morte, será acompanhada também pelo Ministério Público. Um promotor de Justiça esteve no local do crime e se colocou à disposição para auxiliar nas investigações. O velório será realizado na Câmara Municipal da cidade.

Outro caso - Na noite de ontem, um pouco depois do crime na casa do idoso, Luciano Ruiz Omito, 35 anos, foi ferido a tiros depois de ignorar um assalto na Rua Rio Brilhante, no Bairro Centro Educacional. O rapaz estava em frente de casa, quando dois homens, que aparentam ser adolescentes, anunciaram o roubo e pediram o aparelho celular.

Luciano ignorou o pedido e entrou junto com a namorada para dentro do imóvel, um dos meninos mandou o comparsa atirar em direção a vítima, que foi ferido na região lombar. Em seguida, a dupla fugiu. Desesperada, a mulher colocou o namorado no carro e o levou para o Hospital Regional. Não há informações no registro policial sobre o estado de saúde da vítima. Ainda não se sabe e os crimes tem relação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions