ACOMPANHE-NOS    
MAIO, QUARTA  25    CAMPO GRANDE 27º

Interior

Brasileiro está entre traficantes presos com avião lotado de cocaína

Félix José Vanderlei dos Santos, boliviano, paraguaio e equatoriano foram presos a 120 km de MS

Por Helio de Freitas, de Dourados | 16/08/2021 14:19
Avião usado por traficantes para trazer cocaína da Bolívia para o Paraguai. (Foto: Divulgação)
Avião usado por traficantes para trazer cocaína da Bolívia para o Paraguai. (Foto: Divulgação)

Traficantes de quatro nacionalidades foram presos hoje (16), na Operação Sol Nascente, desencadeada pela Senad (Secretaria Nacional Antidrogas) do Paraguai, em San Alberto del Paraná, no Departamento (equivalente a Estado) de Alto Paraná, a 120 quilômetros da região de Sete Quedas (MS).

Ele estavam com cocaína trazida de avião da Bolívia. A droga estava sendo retirada do avião e transferida para uma caminhonete, em uma pista clandestina na zona rural de San Alberto.

Os presos são o equatoriano Manuel Ignacio Zambrano Loor, o paraguaio Nelson Agustin Vera Sanchez, o boliviano David Dorado Solis e o brasileiro Félix José Vanderlei dos Santos.

De acordo com a Senad, a carga está sendo levada para a base regional da agência, em Ciudad del Este, para ser pesada, mas a estimativa é de que supere os 300 quilos.

A região de fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul se tornou a principal rota aérea da cocaína trazida da Bolívia e do Peru. Depois, a droga segue por via terrestre para o mercado brasileiro.

Nos siga no Google Notícias