ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  31    CAMPO GRANDE 19º

Interior

Capataz é preso em flagrante furtando 15 cabeças de gado e diz que não é 1ª vez

Ele confessou que voltaria e levaria mais cem animais e ainda tentou pagar policiais para ser liberto

Por Mirian Machado | 24/03/2021 16:42
Caminhão apreendido na madrugada com os animais furtados (Foto: Divulgação/PM)
Caminhão apreendido na madrugada com os animais furtados (Foto: Divulgação/PM)

José Aparecido da Silva, de 34 anos, foi preso em flagrante nesta madrugada (24) após ser flagrado furtando 15 cabeças de gado da fazenda onde é capataz em Nova Andradina, cidade a 300 km de Campo Grande.

O flagrante aconteceu após a polícia abordar o caminhão VW 7 110s na MS-340 no trevo com a BR-267. Em contato com o condutor e o passageiro, ambos apresentaram nervosismo e foram ouvidos separadamente, momento em que deram versões controversas.

Polícia também apreendeu dinheiro após a prisão (Foto: Divulgação/PM)
Polícia também apreendeu dinheiro após a prisão (Foto: Divulgação/PM)

Em seguida, o passageiro confessou que havia furtado 15 cabeças de gado da fazenda onde trabalha como capataz e contratou o caminhoneiro para levar os animais até uma outra propriedade rural na cidade e receberia R$ 1500 pelo transporte, além de pagar R$ 2500 ao dono do caminhão. O motorista ainda confirmou que sabia a origem dos animais.

O capataz disse ainda que já havia realizado o furto outras vezes e que na fazenda haveria mais de mil cabeças de gado e o proprietário, que mora em Garça, São Paulo, não te controle sobre a quantidade do rebanho.

O funcionário ainda confessou de em seguida pegaria mais cem cabeças e venderia para arrecadar dinheiro e pedir as contas do serviço.

Aos policiais, o rapaz ofereceu R$ 10 mil para ser liberado com a carga. Ele então foi preso também por corrupção ativa.

Ambos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina, assim como o veículo e os animais.

Em contato com o proprietário doa animais, desejou representar criminalmente contra o suspeito e disse que chegou a desconfiar as atitudes do rapaz.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário