A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Junho de 2017

17/09/2012 10:44

Greve de bancários deve fechar 20 agências em Dourados a partir de terça

Luciana Brazil

A greve dos bancários que a categoria promete iniciar amanhã em várias regiões do país deve interromper também o atendimento em Dourados. Serão 21 agências dos bancos Santander, HSBC, Bradesco, Itaú e CEF (Caixa Econômica Federal) que vão paralisar os trabalhos, de acordo com o site Dourados Agora. O Sindicato dos Bancários acredita que 12 municípios do Estado devem aderir ao movimento nacional. A greve não tem data para acabar, segundo a classe.

Durante a paralisação vão funcionar apenas os serviços de auto-atendimento dos bancos, onde o cliente poderá fazer saques e pagamentos, porém, os depósitos podem não funcionar. Para substituir este serviço, apenas as lotéricas aceitarão depósitos.

Na base de Dourados, entre as principais propostas dos bancários estão um reajuste salarial de 10,25% (5% de aumento real e 5% da inflação do período), além do piso salarial de R$ 2.416,38, o vale alimentação de R$ 622,00 e o plano de cargos e carreiras também estão nas propostas, conforme o site Dourados Agora.

O movimento grevista foi desencadeado na semana passada quando a categoria rejeitou a proposta de reajuste de 6% oferecida pela Fenaban (Federação Nacional dos Bancos).

De acordo com a categoria, o setor lucrou R$ 25,2 bilhões no primeiro semestre e reteve R$ 39,1 bilhões de devedores duvidosos e o valor do reajuste representa 0,7% de aumento real.

Os bancários também questionam os salários dos executivos das empresas, que chega a R$ 8,3 milhões anuais e vai ter aumento de 4,17%. Em 2011, a categoria ficou 21 dias em greve e conseguiram reajuste salarial de 9%, mais 1% acima da inflação. Na Capital, funcionários de 82 agências aderiram a paralisação.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions