A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Setembro de 2017

11/08/2017 14:27

Em operação, PMA apreendeu 198 kg de peixe e 93 redes de pesca

Priscilla Peres
Policiais apreenderam 93 redes de pesca. (Foto: PMA) Policiais apreenderam 93 redes de pesca. (Foto: PMA)

Em três dias de operação em rios de Paranaíba - distante 422 km de Campo Grande, a PMA (Polícia Militar Ambiental) apreendeu 198 kg de pescado que estavam presos a 93 redes de pesca, itens proibidos para a pesca.

A operação foi realizada entre os dias 7 e 10 de agosto, depois de várias denúncias de pesca predatória em rios da região. Uma equipe fiscalizou os rios Paranaíba, Santana e Barreiro e apreendeu 54 redes de pesca, medindo 3.300 metros.

Foram soltos em torno de 75 kg de peixes vivos que estavam presos às redes e recolhidos 40 kg de peixes mortos, porém, próprios para consumo. As pessoas que montaram os petrechos não foram identificadas.

Outra equipe fiscalizou os rios Grandinho e córrego Brandinho e apreendeu 39 redes de pesca, medindo 2.400 metros. Os infratores que armaram as redes também não foram localizados e nem identificados e foram soltos 52 kg de pescado e recolhidos 31 kg de peixes mortos, mas próprios para consumo.

Os 71 kg de pescado recolhidos foram doados para duas instituições filantrópicas, sendo o Centro Espirita Joana D’Arque e o Asilo Lar Vicente Marques de Queiroz.

No dia 9, outra equipe prendeu quatro pescadores pescando com redes ilegais, apreendeu pescado, barco e motor de popa e autuou os infratores em R$ 2.800.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions