A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019

02/01/2019 08:56

Embriagado, motorista envolvido em acidente com morte não tinha CNH

Documento do carro também estava vencido

Bruna Pasche
André Luiz Ramos foi arrastado por vários metros e morreu na hora. (Foto: Osvaldo Duarte)André Luiz Ramos foi arrastado por vários metros e morreu na hora. (Foto: Osvaldo Duarte)

Matheus Oliveira, 19, envolvido no acidente que causou a morte de André Luiz Ramos Carlos, 28, na madrugada desta terça-feira (1), no km 289 da BR-163, próximo ao distrito de Cruzaltina, e Dourados, a 233 km de Campo Grande, estava embriagado, sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e com o documento do veículo que estava vencido.

O motorista estava em um veículo modelo Gol com mais três pessoas, quando André que estava em uma Kenton Blitz, invadiu a contramão e bateu de frente com o veículo, por volta das 4h30. Ele foi arrastado por vários metros e morreu na hora. Por isso, mesmo após o teste do bafômetro feito em um posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal), ter dado 0.86 g/l de álcool em seu organismo, o motorista não irá responder por homicídio.

Conforme informações do site Dourados News, como André teria invadido a pista contrária causando o acidente, Matheus responderá apenas por lesão corporal culposa, decorrente aos dois feridos que estavam com ele no veículo, conduzir veículo sem a devida habilitação e conduzir veículo embriagado.

Ele foi autuado em flagrante e teve fiança arbitrada. A Polícia não informou o valor arbitrado, nem se o motorista a pagou.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions