ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 16º

Interior

Encontrado em lagoa, corpo passa a noite em "reboque" até chegada da polícia

Homem desapareceu durante um churrasco, mas as testemunhas só sentiram falta dele no dia seguinte

Por Adriano Fernandes e Sidney Assis, de Coxim | 11/05/2021 23:19
Corpo da vítima foi deixado sobre um reboque de trator após ser encontrado boiando em lagoa. (Foto: Divulgação) 
Corpo da vítima foi deixado sobre um reboque de trator após ser encontrado boiando em lagoa. (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil resgatou nesta terça-feira (11) o corpo de Ivan da Cruz Pereira, conhecido como “Bugio”, de 49 anos, que morreu afogado na lagoa de uma fazenda no Pantanal de Corumbá. Ivan trabalhava na fazenda e não era visto desde um churrasco no domingo (9), no entanto, os outros moradores da propriedade, só sentiram falta dele nesta segunda-feira (10).

As testemunhas iniciaram as buscas depois que a vítima não apareceu para trabalhar, e encontraram o corpo boiando na lagoa, na tarde de ontem. Em seguida eles retiraram Ivan da água e colocaram o corpo sobre o reboque de um trator, que estava ao lado da lagoa.

Ivan tinha um ferimento na orelha esquerda, possivelmente causado pela mordida de algum jacaré. O local do afogamento fica a poucos metros da sede da fazenda e apesar da profundidade era frequentado pelos moradores. A Polícia Civil de Coxim foi acionada e só se deslocou junto à perícia para a região às 5h desta terça-feira (11). O trajeto entre o município até a propriedade tem cerca de 210 quilômetros.

No corpo não foram encontradas sinais de agressão, segundo os peritos Mateus Mandu e Jorge Saraiva, responsáveis pela autópsia. O corpo foi levado para o IML (Instituto Médico Legal) de Coxim e a Polícia Civil ainda está tentando entrar em contato com a família da vítima.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário