A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 28 de Maio de 2017

02/01/2015 15:52

Ex-marido amarra com cueca, rende por 6h e estupra mulher até com a mão

Filipe Prado
Paulo é acusado de estuprar e manter a ex-esposa em cárcere privado (Foto: Divulgação)Paulo é acusado de estuprar e manter a ex-esposa em cárcere privado (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Caarapó, cidade a 283 quilômetros de Campo Grande, prendeu na tarde de hoje (2) o homem acusado de estuprar, bater, ameaçar e torturar a ex-esposa, de 51 anos, por seis horas no final da tarde do dia 31 de dezembro. O acusado, Paulo Padilha, 39 anos, usou uma cueca para amarrá-la e até uma das mãos para estuprar a vítima.

Segundo o delegado Rodolfo Dalto, responsável pela prisão, Paulo e a ex-mulher moraram juntos por 10 anos, mas estavam separados. No dia 31, ele foi até a casa dela, a amarrou com um de suas cuecas, começando a tortura.

O acusado passou uma faca na barriga da vítima, depois a estuprou, inclusive utilizando uma das mãos. Depois do ato ele fugiu e deixou a mulher em casa. Ela começou a gritar por socorro e foi ajudada pelos vizinhos.

A mulher foi internada no hospital da cidade, mas recebeu alta depois de 24 horas em observação.

O delegado contou que hoje, Paulo ligou para o filho da vítima e ameaçou ele e a mãe. Pela ligação, os policiais encontraram o acusado, que fugiu, adentrando em um matagal. Minutos depois, ele foi encontrado em cima de uma árvore, momento que foi preso.

Paulo foi autuado por lesão corporal, estupro, ameaça e cárcere privado. Conforme o delegado, ele pode sofrer uma agravante no pena, pois a mulher possui problemas mentais.

Mulher é mantida presa e torturada pelo companheiro durante seis horas
A Polícia Civil investiga o caso de uma mulher que teria sido mantida em cárcere privado durante seis horas durante a tarde e final da noite de quart...
Revoltado, idoso esfaqueia colega que teria lhe dado um beijo no rosto
Homem de 33 anos foi esfaqueado por um idoso de 68 anos, revoltado com a vítima por ele ter lhe dado um beijo no rosto em um bar de Paranaíba, a 422 ...
Foragido da justiça é encontrado morto com facada no peito em rua
Max Alam Bazan de 42 anos, foi encontrado morto com uma facada no peito esta madrugada pela Rua Alan Kardec em Três Lagoas – a 338 quilômetros de Cam...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions