ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  03    CAMPO GRANDE 20º

Interior

Execução de catarinense é mistério que intriga polícia em cidade de MS

Morto com 5 tiros, Antônio estava prestando serviço terceirizado à uma mineradora

Por Adriano Fernandes | 14/06/2021 23:21
Antônio Eutálio Aparecido de Oliveira, de 36 anos. (Foto: Divulgação/ PC Ladário)
Antônio Eutálio Aparecido de Oliveira, de 36 anos. (Foto: Divulgação/ PC Ladário)

A Polícia Civil tenta esclarecer o homicídio do catarinense Antônio Eutálio Aparecido de Oliveira, de 36 anos, encontrado morto , no dia 08 de junho, na zona rural de Ladário, município a 419 quilômetros de Campo Grande.

O corpo de Antônio tinha cinco perfurações de tiros nas regiões do braço esquerdo e na nuca e foi encontrado por testemunhas em uma mata, a 1.500 metros da estrada da Apa baía Negra.

Conforme o site Diário Corumbaense, Antônio era funcionário de uma empresa de engenharia de Santa Catarina e estava em Corumbá, desde o dia 23 de maio, para prestar serviço terceirizado à uma mineradora. Ele morava em Joinville/SC e não tinha amigos ou familiares na cidade.

A delegacia de Ladário está investigando as circunstâncias do assassinato e pede a colaboração da população, para solucionar o casao. Denúncias podem ser feitas via aplicativo WhatsApp pelo número (67) 99668-1679. O sigilo da identidade e do número telefônico serão mantidos. O corpo da vítima já foi encaminhado para Joinville.

Policiais no local onde o corpo da vítima foi encontrado. (Foto: Divulgação/ PC Ladário)
Policiais no local onde o corpo da vítima foi encontrado. (Foto: Divulgação/ PC Ladário)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário