A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019

16/10/2019 11:17

Homem compra arma usada em triplo homicídio e acaba preso

Ao ser questionado, o rapaz contou que havia comprado o revólver por R$ 800 de um desconhecido

Viviane Oliveira
Homem foi preso em flagrante na noite de ontem
(Foto: divulgação/PM) Homem foi preso em flagrante na noite de ontem (Foto: divulgação/PM)

Jovem de 21 anos que não teve o nome divulgado foi preso na noite de ontem (15) com a arma utilizada no triplo homicídio ocorrido na tarde do último domingo (13). O flagrante ocorreu numa residência no Bairro Nova Corumbá, em Corumbá, distante 419 quilômetros de Campo Grande. 

A Polícia Militar recebeu a denúncia e ao chegar no local indicado se deparou com o suspeito com a arma de fogo. Foi feita a abordagem e a arma apreendida. Ao ser questionado, o rapaz contou que havia comprado o revólver por R$ 800 de um desconhecido. A arma apreendida encontrava-se sem munição. O autor e arma foram levados para a Delegacia de Polícia Civil do município. 

O autor do triplo homicídio ocorrido na Fazenda Coqueiro, a 70 quilômetros de Corumbá, relatou que cometeu os assassinatos porque foi zombado pelas vítimas. Laudinir da Silva Penaz, 34 anos, o “Corumbá”, foi preso no fim da manhã de ontem (15) na região do Jacadigo, próximo à fronteira com a Bolívia, para onde tentava fugir. 

Laudinir confessou ter matado a tiros Pedro Carlos de Aquino, 45, Jocemar Gonçalves dos Santos, 36, e João Estevão Cáceres, 50; além de ter baleado Vinícius Schumacher de Lima, 27, no lado esquerdo do rosto. As vítimas saíram de Guia Lopes da Laguna para trabalharem em serviços em uma propriedade rural arrendada. Ele fugiu do local em uma Fiat Strada encontrada incendiada na área urbana de Corumbá.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions