A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017

28/09/2013 13:40

Homem de São Paulo é preso por pescar com rede de 500 metros no Rio Paraná

Luciana Brazil
Peixes estavam vivos e presos à rede. (Foto: Divulgação)Peixes estavam vivos e presos à rede. (Foto: Divulgação)

Um homem morador de Presidente Epitácio, em São Paulo, foi preso na tarde de ontem (27) pescando de forma irregular no lago da Usina Sergio Motta, no Rio Paraná, em Brasilândia, a 355 km de Campo Grande. Ele foi multado em R$ 1 mil e responderá por crime ambiental.

Segundo a PMA (Polícia Militar Ambiental), ele estava com 500 metros de redes, o que é proibido. Ao todo, 20 quilos de peixes que estavam vivos, presos à rede, foram soltos pelos policiais.

O pescador estava acompanhando do enteado de 15 anos, que foi liberado depois da apreensão. O homem vai responder por crime ambiental de pesca predatória. A pena varia de um a três anos de prisão.

 

Ciclista bate em veículo parado, cai e morre atropelado por carreta
Ciclista de 41 anos morreu depois de bater em uma caminhonete parada, cair e em seguida ser atropelado por uma carreta. O acidente aconteceu na tarde...
Seminário reúne autoridades para debate sobre centenário de reserva indígena
Com os temas: Direitos indígenas e o Estado, História, Saúde, Educação, território, luta e sustentabilidade será realizado nesta quinta e sexta-feira...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions