ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, TERÇA  13    CAMPO GRANDE 29º

Interior

Homem encontrado com tiro na nuca foi assassinado por namorado da ex-mulher

Autor do crime tem 23 anos e deve se apresentar à polícia na próxima segunda-feira à tarde

Por Ana Oshiro | 26/02/2021 10:17
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Flávio Henrique dos Santos, de 32 anos, que foi encontrado morto com um tiro na nuca em Itaquiraí, distante 410 km da Capital, foi morto pelo namorado da ex-mulher, segundo informações da família de Flávio.

Para a polícia o crime já é considerado solucionado, de acordo com o delegado Eduardo Lucena, responsável pela investigação, "autor já foi descoberto através de denúncia anônima, ele tem 23 anos e deve se apresentar na delegacia segunda à tarde. A motivação, a princípio, seria crime passional", disse o delegado, através da assessoria de imprensa da PCMS (Polícia Civil de Mato Grosso do Sul).

O Campo Grande News apurou que o autor do crime foi o atual namorado da ex-mulher da vítima. "O assassino fugiu e é o namorado da ex do Flávio. Eles brigaram por conta do filho do Flávio com ela, que apesar da guarda compartilhada, ela não deixava ele ver o filho. Ontem o Flávio foi até a casa dela pra ver o menino, e acabou morto", disse um familiar que preferiu não se identificar.

Corpo de Flávio foi achado em terreno baldio da cidade (Foto: Tá Na Mídia Naviraí)
Corpo de Flávio foi achado em terreno baldio da cidade (Foto: Tá Na Mídia Naviraí)

De acordo com esse familiar, o corpo de Flávio foi levado para o IML de Dourados e ainda não há informações sobre quando será velado e sepultado. "Estamos muito abalados, ainda não sabemos como vai ser, mas ele será enterrado em Itaquiraí. A irmã do Flávio é advogada, estava em Minas e tá a caminho da cidade pra acompanhar tudo de perto.", disse finalizando a entrevista.

Flávio nasceu em Eldorado, mas morava em Itaquiraí, ele era servidor municipal, completaria 33 anos na próxima terça-feira (2) e deixa um filho de 2 anos, que também faz aniversário em março.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário