ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEXTA  18    CAMPO GRANDE 32º

Interior

Homem que matou colega a facadas e jogou corpo em rio vai a júri nesta quinta

Por Liniker Ribeiro | 16/09/2020 15:32
Corpo da vítima foi encontrado boiando em rio próximo ao local onde vítima e autor pescavam (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Corpo da vítima foi encontrado boiando em rio próximo ao local onde vítima e autor pescavam (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Acusado de matar o colega de trabalho a facadas e jogar o corpo em rio, Jean de Souza Silva, de 24 anos, vai a júri nesta quinta-feira (17), às 8h30. O julgamento será no município de Nova Andradina, a 300 quilômetros da Capital.

Jean responde pela morte do trabalhador Reginaldo Ferreira Penteado, de 49 anos. Eles trabalhavam juntos em uma carvoaria e, no dia 14 de dezembro de 2019, durante pescaria, às margens do rio Laranjal, os dois teriam discutido.

Na ocasião, o suspeito acabou esfaqueando a vítima até a morte. Logo após o crime, o corpo de Reginaldo foi jogado no rio e só foi encontrado cinco dias depois, boiando. O local da pescaria está localizado a 200 metros do alojamento onde autor e vítima estavam.

Após o crime, o autor ainda teria ameaçado de morte uma testemunha.

Julgamento – Segundo o site Jornal da Nova, devido à pandemia do novo coronavírus, o julgamento será por videoconferência, mas os jurados comparecerão ao Tribunal do Júri, assim como a defesa, promotoria.