A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017

07/10/2014 08:16

Homem que teve o carro roubado e foi amarrado por 3 dias é encontrado morto

Viviane Oliveira
Carlos foi encontrado morto em um canavial da zona rural da cidade. (Foto: reprodução/Prefeitura de Mirandópolis)Carlos foi encontrado morto em um canavial da zona rural da cidade. (Foto: reprodução/Prefeitura de Mirandópolis)

A dupla que foi presa na noite de domingo (5) na BR-463 no quilômetro 68, em Ponta Porã, distante 323 quilômetros de Campo Grande, matou o diretor do Departamento de Esportes de Mirandópolis (SP), Carlos Antônio Rizzo, 51 anos, para roubar o carro dele. Diego Rodrigues Antunes da Costa, 19, e Alex Louveira Araújo, 20, foram presos tetando levar o veículo Toyota Corolla para o Paraguai.

De acordo com o Jornal Folha da Região de São Paulo, a vítima, que estava desaparecida desde sexta-feira (3), foi encontrada morta na manhã de ontem (6), em um canavial da zona rural da cidade. 

Segundo uma testemunha, por volta de 20h30 de sexta-feira a vítima recebeu uma mensagem pelo Facebook de Diego, que estava dirigindo o Corolla apreendido. O suspeito pediu a Rizzo que desse carona a um amigo até a cidade de Lavínia (SP). Antes de sair de casa, o diretor de esportes disse a uma irmã que retornaria logo, mas como não voltou até a manhã seguinte, os familiares decidiram procurar a polícia.

Prisão - De acordo com boletim de ocorrência, a polícia fazia fiscalização na rodovia de Mato Grosso do Sul, quando abordou um veículo Toyota Corolla, que tinha como motorista Diego e como passageiros Alex Louveira Araújo, 20, e uma adolescente de 16.

Durante conversa, os policiais perceberam que os rapazes estavam nervosos e contradiziam um ao outro. Desconfiados, os militares checaram a placa do veículo no sistema da polícia e constataram que o carro tinha sido roubado na noite de sexta-feira, em Mirandópolis. Sobre o crime havia um boletim de ocorrência registrado no Estado de São Paulo.

Em contato com os familiares da vítima, os policiais foram informados de que o homem estava desaparecido há 3 dias, foi quando os bandidos confessaram que para roubar o carro havia deixado a vítima desacordada e amarrada.

Mas foi somente no início da manhã de ontem, que a polícia de Ponta Porã foi comunicada que o corpo de Carlos tinha sido encontrado. A vítima estava amarrada com vários ferimentos na cabeça.

Polícia prende dupla que deixou vítima amarrada por 3 dias para roubar carro
Dois homens foram presos com um carro roubado na noite de ontem (5), na BR-463, na zona rural de Ponta Porã, a 323 quilômetros de Campo Grande. O don...
Estudante de Medicina é presa com ossos humanos para "estudo"
Estudante de Medicina, Pamela Maria de Oliveira Souza, de 19 anos, foi presa no fim da tarde de ontem (18), com ossos humanos, que ela pegou em cemit...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions