A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

11/09/2017 14:04

Juiz manda para presídio 4 membros do PCC presos em Pedro Juan

Helio de Freitas, de Dourados
Membros do PCC foram levados para presídio (Foto: ABC Color)Membros do PCC foram levados para presídio (Foto: ABC Color)

Mais quatro membros do PCC (Primeiro Comando da Capital) foram presos em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande, e levados para o presídio, por determinação da Justiça do país vizinho. Nos últimos meses, o governo paraguaio iniciou uma ofensiva contra a facção brasileira, apontada como o maior grupo criminoso em atividade no Paraguai.

Os quatro brasileiros foram presos em duas casas em Pedro Juan Caballero, perto da Linha Internacional, e por ordem do juiz Sadi López, foram levados direto para o presídio regional.

Eles foram identificados como Rafael Gustavo dos Santos, o “Ponto 50”, Mateus Damacena Lira, Paulo Augusto Jaime Landolfi e Gabriel Aparecido Reale Andrade. Todos foram presos por posse de maconha, associação criminosa e por violação à lei de imigração.

Apesar de valer para todos, a lei de imigração tem sido cumprida contra membros de facções como uma estratégia para facilitar a extradição para o Brasil.

O diretor da Polícia Nacional em Amambay, comissário-chefe Fabián Segundo Lezcano, disse que aguarda relatórios das autoridades policiais do Brasil sobre os antecedentes criminais dos presos.

Rafael dos Santos, 23 anos, é acusado de participar da tentativa de assassinato de um agente penitenciário em Toledo (PR), no dia 13 de junho deste ano.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions