ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SÁBADO  22    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Mais de 40% de safra é perdida e moradores ficam desabrigados após temporal

Dezenas de famílias ficaram sem suas residências após chuva acompanhada de granizo e ventania

Karine Alencar e Helio de Freitas, de Dourados | 23/04/2022 13:46
Casa foi completamente destruída em Nova Itamarati (Foto: Direto das Ruas)
Casa foi completamente destruída em Nova Itamarati (Foto: Direto das Ruas)

O temporal de sexta-feira (22) causou perda em mais de 40% na safra do milho e deixou dezenas de famílias desabrigadas no município de Ponta Porã e distrito da Nova Itamarati, na região sul do Estado.

A subprefeita da Nova Itamarati, Natália Velasques da Silva, conta que ainda não foi possível contabilizar os danos, mas um breve levantamento, estima por alto, prejuízo em quase metade da colheita de grãos, que segundo ela, seria a esperança para recuperação dos produtores.

"A gente já vem de duas safras assim, o milho da safrinha foi perdido quando houve a geada e agora na seca o grão da soja não desenvolveu. A safra de milho seria a maior dos últimos anos e agora não sabemos como vamos fazer para ajudar a população. Era a nossa esperança", lamenta Natália.

moradora teve casa completamente destelhada após temporal (Foto: Direto das Ruas)
moradora teve casa completamente destelhada após temporal (Foto: Direto das Ruas)

De acordo com a subprefeita, a chuva não chegou a durar nem 1 hora, mas o temporal acompanhado de rajadas de ventos e granizo foi o suficiente para acabar com tudo. Sem mencionar números, ela afirma que mais de dez famílias ficaram sem suas casas.

Agora, três equipes fazem rondas na região para ajudar a população, sendo elas: equipes da prefeitura, defesa civil e assistência social.

O prefeito Hélio Peluffo Filho de Ponta Porã, autorizou toda ajuda para auxiliar os moradores atingidos. E não descarta decretar estado de emergência nos próximos dias, em razão dos destelhamento de casas e prejuízos.

Nos siga no Google Notícias