ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, QUINTA  16    CAMPO GRANDE 26º

Interior

Ministério Público pede cancelamento de festival em Bonito

Informativo publicado nas redes sociais do festival afirma que evento está mantido a partir de hoje

Por Marcos Rivany | 17/12/2020 15:34
Aglomeração nas ruas de Bonito durante feriado de outubro. (Foto: Secretaria de Turismo de Bonito / Arquivo)
Aglomeração nas ruas de Bonito durante feriado de outubro. (Foto: Secretaria de Turismo de Bonito / Arquivo)

O MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) quer a suspensão de festival marcado para começar nesta quinta-feira. A recomendação assinada pelo promotor Alexandre Estuqui Junior é direcionada à prefeitura de Bonito, pedindo que cancele ou revogue o alvará do evento “Bonito Blues e Jazz Festival 2020”, previsto para começar hoje, às 17h.

No documento, o Ministério Público considerou o número de mortes no país, que já passa dos 180 mil óbitos e também a alta expressiva de casos positivos de covid-19 no último mês, em Mato Grosso do Sul. O promotor chegou a citar uma reportagem do Campo Grande News, publicada na última segunda-feira (14), que destaca o título de recordista de MS em relação a alta na média móvel de morte.

A posição de Bonito no mapa do Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança na Economia) também foi uma das justificativas usadas pelo MP para o cancelamento do evento. Conforme afirmado no diário oficial, Bonito está na bandeira vermelha do programa, que tem como recomendação por parte da Ses (Secretaria Estadual de Saúde), manter funcionando apenas os setores essenciais e de baixo risco.

Informativo publicado nas redes sociais do evento. (Foto: Reprodução Instagram)
Informativo publicado nas redes sociais do evento. (Foto: Reprodução Instagram)

Ainda segundo o texto, foi considerado que o evento “irá ocasionar aglomerações de pessoas”. Chegou a ser citado o horário de realização do festival, classificando que o evento passará do horário do toque de recolher estabelecido pelo Estado. No entanto, desde a sexta-feira (11), os organizadores já avisam um povo horário, das 17h às 21h50, dez minutos antes do início do toque.

Sem leitos de UTI no Hospital de Bonito e com lotação acima do limite da capacidade, também é argumento para a recomendação.

Na conta oficial do evento foi publicado um novo informativo, no início da tarde de hoje, que afirma que o festival está mantido após uma reunião com o Comitê de Enfrentamento ao Covid da cidade de Bonito. “(...) estamos atendendo todas as exigências de biossegurança para que tenhamos um evento espetacular”, afirma trecho da legenda da publicação.

Por telefone, Afonso Rodrigues Junior, criador e organizador do festival, disse que por conta da recomendação, uma reunião foi convocada em caráter de emergência pela prefeitura de Bonito, junto ao comitê. "Nessa reunião, tiveram 5 votos a 2 contra o pedido do Ministério Público, então o evento está mantido", declarou o organizador.

Houve tentativa de contato com a Secretaria de Turismo de Bonito, mas também não atenderam as ligações e nem responderam aos pedidos por email.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário