A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Setembro de 2017

14/09/2017 11:08

Motorista de MS é preso em cidade gaúcha com 1.500 quilos de maconha

Helio de Freitas, de Dourados
Droga estava escondida em carga de milho a granel (Foto: Divulgação)Droga estava escondida em carga de milho a granel (Foto: Divulgação)

Ação conjunta de policiais gaúchos apreendeu ontem (13) uma carga de 1.500 quilos de maconha que saiu de Dourados, a 233 km de Campo Grande, e foi interceptada no município de Tio Hugo, na região de Passo Fundo, noroeste do Rio Grande do Sul.

A droga estava escondida em um carregamento de milho a granel, transportado em uma carreta bitrem com placa de Santa Catarina, interceptada por policiais rodoviários federais e agentes da Denarc (Divisão Estadual de Narcóticos), da Polícia Civil, na BR-386.

Segundo os policiais gaúchos, a carreta foi carregada com milho em Dourados, onde a maconha foi escondida sobre a carga lícita. O nome do motorista não foi divulgado. O monitoramento da polícia foi feito durante 45 dias até chegar à carga.

Nesta quinta-feira (14), a Promotoria de Justiça de Combate aos Crimes de Lavagem de Dinheiro e Organização Criminosa informou que o dinheiro proveniente do tráfico de drogas era injetado em empresas constituídas em Porto Alegre e região metropolitana da capital gaúcha, bem como na aquisição de bens em nome de “laranjas”.

Segundo os promotores que acompanham as investigações da Denarc, a maconha seria dividida em pequenas quantidades e distribuída para várias regiões do Rio Grande do Sul. Para legalizar o dinheiro, os traficantes investiriam nas empresas investigadas e na aquisição de veículos e imóveis.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions