A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

21/07/2014 23:12

Motorista é julgado por ter matado 2, invadido boate e atingido coletivo

Alan Diógenes

O motorista de ônibus acusado de bater o veículo contra a parede de uma casa noturna, matar duas pessoas que estavam em uma moto e atingir um coletivo, há mais de dois anos em Corumbá, a 415 km de Campo Grande, foi julgado nesta segunda-feira (21). A defesa alegou que o réu estava sob efeito de alguma substância que teria sido colocada na bebida dele no estabelecimento.

Conforme informações do site Corumbá Online, a audiência começou por volta das 8h30 e devia prosseguir durante a tarde. A dona da casa noturna foi a primeira a prestar depoimento. Conforme a denúncia feita pelo MPE (Ministério Público Estadual), o acusado tentou atropelá-la. “Quando percebi que vinha para cima de mim, pulei”, afirmou em depoimento

O motorista do coletivo, que teve ferimentos após o acidente, foi o segundo a ser ouvido. Ele disse que o réu seguia em alta velocidade. “Ele não freou em nenhum momento”, diz. A acusação alega que a batida contra esse veículo foi proposital.

Durante as oitivas, o acusado se manteve de cabeça baixa e não esboçou nenhuma reação.

Idoso tenta salvar esposa das mãos de bandido e acaba ferido a tiros
Um idoso de 86 anos ficou ferido depois de ser atingido por um disparo de arma de fogo durante uma tentativa de assalto, na tarde de ontem (19), em M...
Durante abordagem, passageiro de ônibus finge passar mal e foge
Passageiro de ônibus fingiu passar mal para fugir da polícia, neste domingo (19), deixando para trás mala com maconha e os próprios documentos em Dou...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions