A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

16/05/2016 09:45

Mulher morre após atear fogo na própria casa com filhas dentro

Renata Volpe Haddad
Quarto onde as duas filhas de Tatiane dormiam ficou completamente queimado. A mulher teve 100% do corpo queimado e não resistiu as ferimentos. (Foto: Edição de Notícias)Quarto onde as duas filhas de Tatiane dormiam ficou completamente queimado. A mulher teve 100% do corpo queimado e não resistiu as ferimentos. (Foto: Edição de Notícias)

Tatiane Inocência de Jesus, de 34 anos, que ateou fogo na própria casa com as filhas dentro, morreu no início da tarde de ontem (15) na Santa Casa de Campo Grande. Ela teve 100% do corpo queimado e não resistiu. O caso aconteceu na madrugada de sábado (14) em Sonora, distante 364 km de Campo Grande.

De acordo com informações do site Edição de Notícias, Tatiane foi transferida para Campo Grande em estado gravíssimo na manhã do sábado e estava internada no CTI (Centro de Tratamento e Terapia Intensiva), porém não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.
O corpo dela foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal).

Caso - Ainda segundo informações do Edição de Notícias, a mulher ateou fogo na casa após brigar com a namorada. Ela foi socorrida por policiais militares, um investigador da Polícia Civil e enfermeiros depois de ser encontrada ainda com o corpo em chamas dentro de sua residência localizada na rua Do Engenho, centro de Sonora.

Com 100% do corpo queimado, ela foi encaminhada para o hospital municipal, mas como o estado de saúde era considerado gravíssimo, precisou ser transferida com urgência para Santa Casa de Campo Grande.

Testemunhas relataram que Tatiane se desentendeu com uma atendente de bar, com quem mantinha um relacionamento. Depois disso, ela foi para casa, se trancou com as duas filhas que estavam dormindo e ateou fogo no quarto.

Ao perceberem as chamas, a atendente de bar e a testemunha conseguiram retirar as crianças da casa, mas não tiveram tempo de socorrer a mãe delas e acionaram a Polícia Militar.
Após socorrer a vítima, os policiais ainda retiraram três botijões de gás que estavam na casa para evitar explosões. Ainda não se sabe se a mulher ateou fogo próprio corpo ou no colchão da cama em que estava deitada.

Polícia carioca pede extradição de traficante preso no Paraguai
A extradição do traficante Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, preso na cidade de Encarnación, no Paraguai, perto da fronteira com Mat...
Uems recebe inscrições em seleção para cursos de Educação à Distância até dia 22
Seguem abertas até 22 de dezembro as inscrições no processo seletivo de cursos de graduação e pós-graduação, na modalidade EaD (Educação à Distância)...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions