ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 19º

Interior

Perseguição policial tem tiros de fuzil e motorista preso com 644 munições

O condutor que fugia numa caminhonete Amarok só parou depois que um dos policiais atirou para cima

Por Viviane Oliveira | 16/02/2021 09:03
Arma e munições foram apreendidas depois de perseguição policial (Foto: divulgação / Polícia Militar)
Arma e munições foram apreendidas depois de perseguição policial (Foto: divulgação / Polícia Militar)

Após perseguição policial, um homem de 51 anos foi preso transportando 644 munições. O flagrante aconteceu nesta segunda-feira (15), na MS-276, na saída da cidade em direção a Porto Murtinho, em Jardim, distante 233 quilômetros de Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, a Polícia Militar localizou a caminhonete VW Amarok, de cor prata, sem placas na traseira, depois de receber denúncia de que o motorista seguia em alta velocidade, causando riscos para quem trafegava pela estrada vicinal que dá acesso a um assentamento.

Ao perceber a presença da polícia, o suspeito tentou fugir ultrapassando na contramão pelo acostamento. Foi dada ordem de parada, mas o condutor não obedeceu e jogou o veículo para cima dos policiais. Ninguém ficou ferido. O condutor só parou cerca de 100 metros, depois que um dos policiais disparou 4 tiros de fuzil 556 para cima.

Na cintura do suspeito, que seguia com um passageiro, foi localizado  revólver calibre 44 municiado com 6 munições intactas. Dentro da Amarok, havia várias caixas de munições de pistola calibre 9 mm (milímetros), calibre 357 e calibre 38. Indagado se tinha registro e notas das munições e arma, disse que não.  Na delegacia, o homem confessou que 2 horas antes do fato havia usado cocaína e pasta base.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário