ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, QUINTA  02    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Polícia investiga se corpo carbonizado na fronteira é de turista argentino

Por Helio de Freitas, de Dourados | 13/10/2017 17:05
Corpo foi encontrado ontem na Colônia Victoria, em Pedro Juan Caballero (Foto: Porã News)
Corpo foi encontrado ontem na Colônia Victoria, em Pedro Juan Caballero (Foto: Porã News)

A Polícia Nacional do Paraguai tenta descobrir a idade do corpo encontrado carbonizado, ontem (12), perto de uma pedreira na Colônia Victoria, em Pedro Juan Caballero, cidade vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande. A principal suspeita é que seja um turista argentino, desaparecido na fronteira do Brasil com o Paraguai.

O caso é investigado por agentes da Divisão de Homicídios da Polícia Nacional. O argentino, identificado como William Adrián Oliva, 31, ingressou no Paraguai no dia 2 deste mês e estava morando em um pensionato em Pedro Juan Caballero. Há seis dias ele teria desaparecido, segundo revelou o proprietário do pensionato aos policiais.

De acordo com o médico legista do Hospital Regional de Pedro Juan Caballero, Marcos Prieto, a vítima teria sido torturada e teve partes dos membros amputados e depois foi queimada. Para tentar identificar o corpo, a Polícia Nacional pediu ajuda à Interpol.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário