A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 28 de Maio de 2017

14/03/2013 11:14

Polícia prende 12 suspeitos de cobrar R$ 5 mil para fraudar a previdência

Francisco Júnior
Durante operação foram apreendidos vários documentos. (Foto: Umberto Zum, do Tá Na Mídia Naviraí)Durante operação foram apreendidos vários documentos. (Foto: Umberto Zum, do Tá Na Mídia Naviraí)

A Polícia Federal prendeu, na manhã de hoje, 12 funcionários públicos, representantes de sindicatos rurais e advogados durante a Operação Lavoro (trabalho, em italiano). Eles são acusados por praticar fraudes no INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social). As prisões aconteceram em Naviraí, Juti e Itaquiraí, cidades da região Sul do Estado.

A operação também é realizada em Umuarama, no Paraná. Entres os presos estão advogados, funcionários públicos do INSS de Naviraí, presidentes de três Sindicatos de Trabalhadores Rurais, agenciadores e funcionários de uma financeira.

Além das prisões, os agentes federais apreenderam 15 veículos, quatro motos, uma espingarda calibre 36, dois barcos e R$17 mil reais.

De acordo com a PF, o grupo conseguia aposentadorias rurais para pessoas que nunca trabalharam no campo ou não possuíam o tempo necessário para fazer jus ao benefício. O valor do prejuízo para os cofres públicos ainda não foi divulgado pelos policiais. 

Após obter a aposentadoria, os integrantes do esquema faziam empréstimos consignados na financeira e rachavam entre os envolvidos no esquema. Os investigados cobravam em média R$ 5 mil pela concessão de cada benefício.

Os envolvidos foram proibidos pela Justiça de patrocinar casos perante o INSS e tiveram o sequestro e bloqueio de todos os seus bens. Dois funcionários da previdência social foram afastados das funções.

A Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de MS) informou que os presos são representantes dos sindicatos de Trabalhadores Rurais e não de Sindicatos Rurais daqueles municípios, como a Policia Federal havia divulgado.

 

Homem é ferido com seis facadas por cunhado
Ernandis Rodrigues dos Santos de 30 anos foi ferido com seis facadas na noite de sábado (27) durante uma briga com o cunhado Daniel Silvestre da Cruz...
Revoltado, idoso esfaqueia colega que teria lhe dado um beijo no rosto
Homem de 33 anos foi esfaqueado por um idoso de 68 anos, revoltado com a vítima por ele ter lhe dado um beijo no rosto em um bar de Paranaíba, a 422 ...
Foragido da justiça é encontrado morto com facada no peito em rua
Max Alam Bazan de 42 anos, foi encontrado morto com uma facada no peito esta madrugada pela Rua Alan Kardec em Três Lagoas – a 338 quilômetros de Cam...



Enquanto uma corja de malandros frauda a previdência com agilidade, eu, aguardo há 1 ano e meio uma simples certidão por tempo de contribuição para averbar junto à Secretaria de Educação. A cada dia, me solicitam novos documentos e certidões. Acho que só vai ser resolvido quando eu apresentar a certidão de óbito.
 
Hilda França em 14/03/2013 19:36:58
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions