A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Março de 2017

24/02/2011 10:24

Sem aulas, alunos de escola agrícola em Aquidauana fecham rodovia

Marta Ferreira

Um grupo de estudantes do Cepa (Centro de Educação Profissional de Aquidauana) está bloqueando a rodovia estadual que dá acesso à instituição de ensino. Eles reclamam da falta de verbas e dizem que estão sem aulas.

O grupo colocou galhos para interromper a passagem de veículos pela rodovia “Cera”, como é conhecida a estrada, em alusão ao antigo nome da escola. A estrada fica entre Aquidauana e o Distrito de Camisão, onde fica a escola agrícola.

Cerca de 25 alunos estão no local. O curso que eles freqüentam, de técnico em agropecuária, tem cerca de 180 alunos.

Os estudantes reclamam que, por ano, o Cepa deve receber R$ 600 mil do orçamento da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), mas o dinheiro não vem sendo repasssado.

Professores estariam com salários atrasados e por isso as aulas começaram na segunda, mas foram suspensas, segundo os estudantes afirmaram por telefone.

Eles pediram para não ser identificados.

Por rixa antiga, adolescentes matam jovem de 18 anos a facadas
Uma briga acabou em morte na noite de ontem em uma lanchonete de Juti, município a 320 quilômetros de Campo Grande. Willian Santiago Perrengue, de 18...
PMA apreende carga ilegal de 46 mil litros de combustível para avião
A PMA (Polícia Militar Ambiental) apreendeu durante bloqueio realizado na BR-262, em Três Lagoas - cidade localizada a 338 km de Campo Grande - uma c...
Identificados assaltantes mortos em confronto com a polícia militar
Os assaltantes mortos em confronto com a PM (Polícia Militar) na madrugada deste sábado (25) em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, foram...



INFELIZMENTE FICO MUITO TRISTE EM SABER QUE O CERA A CADA DIA VEM MORRENDO, TUDO COMEÇOU COM A ISNTALAÇÃO DA UEMS NAS TERRAS DO CERA, CHEGOU DEVARRINHO E ATÉ SE APOSSAR DE TUDO, EU ME FORMEI LA FIZ CERA DO ANO DE 1999 A 2002, MUITAS RECORDAÇÕES BOAS TENHO DAQUELE LOCAL, LA MINHA VIDA MUDOU, HOJE SOU O CIDADÃO DE BEM O PAI DE FAMILIA QUE SOU, MUITO EU APRENDI ALO, ME CORTA O CORAÇÃO SABER QUE A CADA DIA ESSE AMBIENTE DE APRENDIZADO VEM SE ACABANDO.... É PRECISO TOMAR ALGUMA PROVIDWENCIA PARA AVERIGUAR ESSA FALTA DE REPASSE DE VERBA, POIS NO ULTIMO ANO QUE ESTUDEI LA, NOS ERAMOS INTERNOS, TIVEMOS EPOCA DE COMER ARROZ FEIJÃO E POLENTA E FRANGO DE 5 ANOS DURO......


FALAR DO CERA, ME FAZ LAGRIMAS CAIREM DOS OLHOS, CERA SAUDADES ETERNAS...... POSSO DIZER CERA "EU TE AMO".


WELLINGTON ALVES DO ROSARIO
EX ALUNO
 
WELLINGTON ALVES DO ROSARIO em 26/02/2011 10:44:09
E vergonhoso ver o que esta acontecendo com esta Escola hoje;
A Fundação CERA, que foi a formadora de Tecnicos Agricolas, que foram e sao responsaveis pelo deselvovimento agropecuário de nosso estado.
Que tanto se fala em agronegocio, de milhões (U$$), e os futuros Técnicos Agricolas
que são os reponsaveis por passar as tecnologias ao campo.
Sem aula por falta de verba.
É lastimavel

Valter Muraro
Vice Presidente do SINTAMS
Sindicato dos Tecnicos Agricolas do MS
 
Valter Muraro em 24/02/2011 11:50:52
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions