ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 29º

Interior

Trabalhador rural morre 8 dias após cair e ser pisoteado por égua

De acordo com boletim de ocorrência, José sofreu diversos ferimentos pelo corpo, como fraturas

Por Liniker Ribeiro | 19/10/2020 14:24
Fachada da Santa Casa de Campo Grande, onde trabalhador rural estava internado (Foto: Kísie Ainoã/arquivo)
Fachada da Santa Casa de Campo Grande, onde trabalhador rural estava internado (Foto: Kísie Ainoã/arquivo)

Oito dias depois sofrer queda e ser pisoteado por uma égua, José Sabino Moreira, de 55 anos, morreu na Santa Casa de Campo Grande, na noite de ontem (18). O paciente veio transferido de Ribas do Rio Pardo, a 103 quilômetros da Capital, onde o acidente aconteceu no dia 10 de outubro.

Conforme boletim de ocorrência, a sobrinha afirmou que José atuava como campeiro de uma fazenda no município, quando durante a lida com gado o animal em que montava “pulou”. Após cair, a vítima foi pisoteada pela égua.

José deu entrada no hospital de Campo Grande no mesmo dia do acidentem, com ferimentos pelo corpo e suspeita de fraturas. O quadro de saúde do paciente evolui e, na noite de ontem, ele não resistiu.

O caso foi registrado como morte a esclarecer na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário