A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

04/03/2016 10:56

União prorroga por mais 30 dias permanência da Força Nacional em MS

Priscilla Peres

Portaria de hoje do Ministério da Justiça prorrogou por mais 30 dias, a permanência da Força Nacional nas regiões de conflito, entre produtores rurais e indígenas de Coronel Sapucaia - distante 400 km de Campo Grande.

Assinada pelo ex-ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que deixou o cargo na segunda-feira (29), a portaria da União de número 365 e data de 2 de março, tem validade a partir desta sexta-feira (4).

De acordo com a publicação, a Força Nacional vai atuar de forma complementar em apoio às atividades da Polícia Militar de Coronel Sapucaia, para prevenir e reprimir conflitos indígenas.

Conforme o Ministério da Justiça, a operação terá o apoio logístico do governo estadual, que pelo acordo de cooperação técnica se compromete a dispor de infraestrutura necessária à instalação de base administrativa, bem como permissão de acesso aos sistemas de informações e ocorrências, no âmbito da Segurança Pública, durante a vigência da portaria.

Histórico - Em junho do ano passado, índios guarani-kaiowá do acampamento Kurusu Ambá voltaram a ocupar a fazenda Madama, localizada entre os municípios de Coronel Sapucaia e Amambai.

Pelo menos 60 pessoas entraram na fazenda oito anos após outra invasão, ocorrida em maio de 2007. Três dias depois da invasão, houve confronto entre índios e produtores e as polícias foram destacadas para o local, onde estão até hoje.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions