A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

18/03/2016 10:51

Vestidos de preto e com a bandeiras, manifestantes bloqueiam BR-262

Renata Volpe Haddad
No local, o congestionamento chega a 5 km por causa da manifestação. (Foto: Ricardo Ojeda/ Perfil News)No local, o congestionamento chega a 5 km por causa da manifestação. (Foto: Ricardo Ojeda/ Perfil News)

Um grupo de pessoas bloquearam o km 1 da BR-262 na manhã desta sexta-feira (18) em Três Lagoas - distante 338 km de Campo Grande, na divisa com São Paulo. Conforme a PRF (Polícia Rodoviária Federal), a interdição  já causa 5 km de congestionamento.

Ainda segundo a polícia, o protesto é pacífico e os manifestantes com faixas e cartazes, protestam contra o governo e são a favor do Impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). A PRF fala em 1,5 mil pessoas, mas nas fotos divulgadas pela imprensa local é possível ver um grupo menor.

O bloqueio ocorreu às 10h desta sexta-feira (18) e há previsão de liberação da pista por volta de 11h. Segundo o site Perfil News, os manifestantes estão vestidos de preto, em forma de luto e o grupo é formado por empresários munidos de faixas, cartazes e bandeiras.

O grupo estava no posto São Luiz, na saída para São Paulo, e se deslocou em direção ao aterro da usina hidrelétrica de Jupiá.

Segundo dia - No início da tarde de ontem (17) em Bataguassu, distante 335 km de Campo Grande, cerca de 70 pessoas entre produtores rurais e caminhoneiros bloquearam a BR-267 e a ponte Hélio Serejo, na divisa entre Mato Grosso do Sul e São Paulo. 

A manifestação teve atos do lado sul-mato-grossense, em Bataguassu e do lado paulista em Presidente Epitácio. Com a ação, os caminhões e carros ficaram parados em cima da ponte sobre o rio Paraná. A rodovia foi liberada no final da tarde.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions