A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

17/03/2016 20:32

DJ se une a manifestação e transforma protesto em balada na Afonso Pena

Segundo organizadores, participação do DJ Natureza é voluntária

Bianca Bianchi e Fernanda Yafusso
DJ Natureza se uniu ao grupo para animar a manifestação (Foto: Alan Nantes)DJ Natureza se uniu ao grupo para animar a manifestação (Foto: Alan Nantes)

Um DJ subiu no carro de som que acompanha o grupo de cerca de mais de 1 mil pessoas que estão reunidas na noite desta quinta-feira (17) na Avenida Afonso Pena, próximo ao prédio do MPF (Ministério Público Federal), em Campo Grande, e transformou o protesto contra o PT, a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em balada. Segundo organizadores do evento, o DJ Natureza foi voluntariamente para o evento.

Líderanças do movimento Reaja Brasil solicitaram que os participantes cancelem seus compromissos de hoje e permaneçam durante toda a noite e a madrugada no local.

Além de interditar a pista da avenida Afonso Pena no sentido centro-bairro, manifestantes começaram a ocupar a avenida no sentido oposto, em frente ao semáforo que faz esquina com a rua Alagoas. O trânsito está lento no local.

Manifestação – Por volta das 18h pessoas com cartazes, faixas, fogos de artifício e barracas começaram a se concentrar em frente ao prédio do MPF. Dez policiais militares junto com servidores da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) acompanham o movimento, que transcorre de forma pacífica.

As manifestações começaram ontem à noite, principalmente contrárias à nomeação de Lula como ministro-chefe da Casa Civil de Dilma e consequente divulgação, horas depois, de conteúdos de ligações telefônicas do líder petista com a presidente, pelo juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato. Conforme a organização, três mil participaram do ato.

O protesto, inclusive, se concentra na frente do MPF porque é a instituição que, em Curitiba (PR), comanda as investigações sobre o maior escândalo de corrupção já revelado no Brasil. Entre os manifestantes, até o fechamento deste texto, estavam principalmente membros do Movimento Reaja Brasil e Chega de Impostos, que também participaram da organização do ato contra a corrupção no domingo passado, dia 13 de março.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions