A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2019

11/12/2018 21:18

Investigação em MS leva a prisão de grupo no RS que aplicava golpes do seguro

Adriano Fernandes
Polícia tirando da viatura um dos suspeitos presos hoje no Rio Grande do Sul. (Foto: Divulgação)Polícia tirando da viatura um dos suspeitos presos hoje no Rio Grande do Sul. (Foto: Divulgação)

Operação da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, desarticulou em Santo Ângelo, RS, o esquema criminoso de uma quadrilha especializada em fraudes do seguro de maquinários agrícolas por todo o país.

Nesta terça-feira (11) os Policiais da Deco (Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado) com o apoio da Delegacia Regional da cidade riograndense, cumpriram três mandados de prisão preventiva, assim como os de busca e apreensão diversos, todos expedidos pelo Poder Judiciário da comarca de Sonora, MS.

A quadrilha foi desarticulada depois que equipe da Deco, tomou conhecimento em março, de um caso em que um suspeito em uma fazenda, cobrava o ressarcimento de uma colheitadeira que pegou fogo, via apólice de seguro.

O maquinário, no entanto, era adulterado e teria sido inclusive trocado por oura máquina em desuso para que pudesse ser incinerada propositalmente, sem maiores prejuízos. 

Durante a investigação da operação, batizada como Nero os policiais constataram que o grupo agia desta mesma forma por todo o país, registrando, inclusive diversos boletins de ocorrências espalhados por delegacias, noticiando furtos ou avarias, na tentativa de conseguir o ressarcimento por meio do seguro.

Conforme a delegada Ana Claudia Medina, titular da delegacia os criminosos aplicavam o golpe há mais cinco anos  e os prejuízos levantados, ultrapassam milhões de reais. Os três presos no Rio Grande do Sul serão encaminhados para MS, onde serão interrogados.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions