A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

04/01/2008 09:14

Investigações sobre morte de detento ainda não avançaram

Redação

As investigações sobre a morte do detento Anderson Pereira Veiga, 29 anos, cujo corpo foi encontrado carbonizado no porta-malas de um carro, no mês passado, ainda não avançaram. Conforme informações da Defurv (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), somente o resultado do exame de DNA, confirmando a identidade da vítima, saiu.

Por conta do recesso, o IML ainda não enviou os resultados do laudo de vistoria e necroscópico. O caso deverá ser repassado para o 7º Distrito Policial, que fica na região da Colônia Penal, onde foram encontrados os sapatos e roupas do detento. Por enquanto não há suspeitos, segundo informações da Defurv.

Veiga saiu dia 14 de dezembro do Instituto Penal de Campo Grande e foi transferido para a Colônia Penal. Familiares chegaram a pedir transferência para o semi-aberto, alegando que ele corria risco de vida.

O veículo onde ele foi encontrado, um Gol, foi roubado na Vila Duque de Caxias e incendiado com gasolina na saída para Rochedo, na MS-080.

Carro roubado no RJ é recuperado em estrada rumo ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions