A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

13/03/2012 09:00

Liminar suspende decisão que livra juízes de MS do desconto previdenciário

Aline dos Santos

A ministra do STF (Supremo Tribunal Federal), Carmen Lúcia, concedeu liminar suspendendo da decisão do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) que livra um grupo de magistrados estaduais aposentados do desconto previdenciário.

O governo de Mato Grosso do Sul ajuizou reclamação contra a decisão do tribunal, que deu aos magistrados o direito de não sofrerem o desconto de 11% em seus proventos de aposentadoria a título de contribuição previdenciária.

O Estado alega que a decisão do TJ/MS infringe o entendimento do STF. Em outra ação, a Corte reafirmou que não há direito adquirido à não incidência da contribuição previdenciária.

No STF, a procuradoria estadual informa que após o trânsito em julgado daquela decisão, com a respectiva baixa dos autos ao TJ/MS, os magistrados ajuizaram, “de forma surpreendente”, mandado de segurança pedindo novamente a suspensão dos descontos.

O pedido foi indeferido, mas o Órgão Especial do TJ acolheu, por maioria de votos, o agravo regimental apresentado pelos aposentados.

O Estado sustenta que a decisão poderá gerar “perturbação” na ordem administrativa estadual, pois “inúmeros servidores inativos poderão pleitear a mesma benesse, seja judicial, seja administrativamente, seguindo a esteira aberta pelo Tribunal estadual”.

MS recorre de decisão que suspende desconto previdenciário para juízes
Estado ajuizou reclamação no STF (Supremo Tribunal Federal) em que pede liminar para suspender a eficácia de decisão do TJ/MSMato Grosso do Sul ajui...
Aposta de Minas Gerais fatura mais de R$ 21,7 milhões na Mega-Sena
Uma única aposta de Itaguara, Minas Gerais, faturou a bolada de R$ R$ 21.763.750,54 sorteada, esta noite (22) em Oliveira, MG. Para o próximo sorteio...


BEM FEITO PARA OS MAGISTRADOS, NADA MAIS JUSTO , TODOS NOS PAGAMOS PREVIDENCIA PARA TERMOS UMA APOSENTADORIA RIDICULA,
ENQUANTO OS MAGISTRADOS SUGAM O ESTADO A VIDA INTEIRA.
 
ALESSANDRO BOGADO em 13/03/2012 12:42:04
Que bom!
Somente o CNJ vai moralizar os aproveitadores do cofre público.
 
Emersom Floriano em 13/03/2012 10:01:55
TEM QUE SUSPENDER MESMO.... ESSES DOUTORES JÁ GANHAM DEMAIS...
 
alci olidio da silva em 13/03/2012 07:56:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions