A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

20/02/2018 12:49

Maioria da população do Centro-Oeste é contra a legalização da maconha

Foram ouvidas 2.402 pessoas maiores de 16 anos em 208 municípios de todos os 26 estados em pesquisa.

Ricardo Campos Jr.

Pesquisa feita em todo o território brasileiro mostra que 64,6% da população é contra a legalização do uso da maconha. O levantamento foi conduzido pela empresa Paraná Pesquisas e revela que somando as opiniões dos entrevistados do Norte e Centro-Oeste, 71,6% se mostraram contrários à medida, enquanto 25,4% se declararam favoráveis e 3% não responderam.

Com relação ao plantio da maconha, 70,7% dos entrevistados nessas duas regiões concordaram com a liberação, enquanto 26,3% discordaram e 3% não souberam responder.

Foram ouvidas 2.402 pessoas maiores de 16 anos em 208 municípios de todos os 26 estados mais o Distrito Federal. A coleta foi feita entre os dias 10 e 14 de fevereiro deste ano pela internet. A margem de erro para os resultados gerais é de 2%.

Os resultados mostram que 30,7% concordam com a legalização. Destes, 29,5% são homens e 31,9% foram mulheres. Levando a consideração a idade, a maioria dos que aprovam a medida (42,6%) têm entre 16 e 24 anos, enquanto 37,7% têm entre 25 e 34 anos e 26,2% entre 35 e 44 anos.

A maior parte dos que concordam com a liberação da maconha têm ensino superior (45,2%), enquanto 32,8% concluíram apenas o ensino médio e outros 20,8% têm apenas o nível fundamental.

Já com relação aos que foram contra a medida, 70,7% têm entre 45 e 59 anos, enquanto outros 60,93% tinham mais de 60 anos; 70% tinham entre 35 e 44 anos, 58,9% entre 25 e 34 anos e 51,3% entre 16 e 24 anos. Desse público, 49,6% têm ensino superior, 62% têm ensino médio e 75% o nível fundamental.

Com relação à liberação do plantio, a maioria dos que se mostraram favoráveis são mulheres (31,4%) enquanto entre os contrários predominaram os homens (67,8%).

Dos que responderam “sim” à medida, 41% têm entre 16 e 24 anos; 38,1% têm entre 25 e 34 anos; 25,6% têm entre 35 e 44 anos; 22,9% têm entre 45 e 59 anos e 24,7% têm mais de 60 anos. Com relação aos que responderam “não”, a maioria (72,8%) têm entre 45 e 59 anos, enquanto a menor parte (53,5%) têm entre 16 e 24 anos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions