A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

02/03/2010 19:17

Matador de travestis é condenado a 18 anos de prisão

Redação

O jardineiro Paulo Sérgio de Oliveira, o "Careca", foi condenado por mais 18 anos de prisão. Ele ficou conhecido em Dourados como o matador em série de travestis.

O caso mais recente teria ocorrido em junho de 1997, quando ele matou com cinco tiros o travesti Alcendino José Fernandes, também conhecido como "Cidinha".

Sérgio, que já foi condenado a mais de 180 anos de prisão por dezenas de assassinatos praticados em Dourados e no estado de São Paulo, acumula com mais esta sentença quase 200 anos de reclusão.

Conforme descrito no processo, a vítima estava sentada em frente a um estabelecimento comercial na avenida Weimar Torres, quando foi morta com cinco tiros. Como fugiu do local, na época o assassino não foi descoberto.

Ainda com base no processo, após esse homicídio Paulo passou a praticar diversos outros na cidade contra travestis, até que foi reconhecido e preso.

Prestando testemunho na policia e em juízo, o pedreiro Fredney Martins, conhecido do homicida, disse que em São Paulo, "Careca" havia matado mais de dez travestis. O fato foi confirmado pelo réu em depoimento.

Em Dourados, o acusado teria matado mais nove homossexuais até ser preso e fugir do 1° Distrito Policial, quando acabou novamente detido encurralado na Vila Rosa. O acusado teria matado ainda um taxista e uma doméstica supostamente envolvida no tráfico de entorpecentes na frente de suas duas filhas.

Ele foi submetido a vários julgamentos, até que o advogado criminalista Isaac de Barros Junior requereu em plenário que Paulo Sérgio fosse submetido a exames de sanidade.

Recentemente, o juiz de Direito em substituição legal, Jorge Tadashi Kuramoto, determinou o reinicio dos julgamentos, quando foi juntado ao processo um laudo psiquiátrico assinado pelo perito Pedro de Araújo Ortiz, nomeado pela 3ª Vara Criminal de Dourados.

Segundo o laudo, Paulo Sérgio é portador de bipolaridade e transtorno de personalidade, emoção intensa e acessos de fúria acima do normal, com claros sinais de periculosidade. (Com informações do Dourados Agora).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions