A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/10/2012 20:17

Mausoléu que guarda cinzas de heróis da Guerra do Paraguai é aberto no RJ

Paulo Virgilio, Agência Brasil

Em homenagem aos 100 anos do caminho aéreo do Pão de Açúcar, comemorados hoje (27), a Prefeitura do Rio abriu à visitação neste sábado, pela primeira vez na história, o mausoléu que guarda as cinzas dos heróis brasileiros das batalhas de Laguna e Dourados, em 1868, na Guerra do Paraguai. O mausoléu fica no subsolo do Monumento aos Heróis de Laguna e Dourados, instalado na Praça General Tibúrcio, na Praia Vermelha, em frente à estação do bondinho do Pão de Açúcar.

O local abriga esculturas em bronze dos heróis brasileiros e painéis das batalhas travadas. Entre outros, estão depositadas nas urnas fixadas nas paredes do mausoléu as cinzas do tenente Antonio João, do major Drago, do coronel Carlos de Morais Camisão e do guia Lopes. Na porta em bronze do mausoléu está reproduzida em bronze a figura de um velho soldado de infantaria do Império.

“Na data em que se comemora o centenário de uma das nossas mais tradicionais atrações turísticas, o bondinho do Pão de Açúcar, os cariocas ganham mais uma opção de lazer, o mausoléu que conta parte de nossa História', afirmou o secretário municipal de Conservação e Serviços Públicos, Carlos Roberto Osório.

Para receber os visitantes, a secretaria instalou no monumento uma nova placa em bronze e aplicou resina para dar mais brilho e proteção às peças. A praça também passou por serviços de recuperação, a cargo de vários órgãos municipais. A visitação ao mausoléu poderá ser feita nos últimos fins de semana de cada mês, das 8h às 18h.



Se nossas escolas ensinassem a verdadeira história do Brasil, teríamos vergonha desse episódio e dos tais "heróis brasileiros".
 
Fernando Silva em 28/10/2012 00:21:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions