A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

26/06/2009 16:00

Menina conta ter feito dois outros programas este mês

Redação

Aliciada pela própria mãe, uma menina de 12 anos revelou que já havia feito, somente este mês, outros dois programas com caminhoneiros em Corumbá, município distante 426 quilômetros de Campo Grande.

Na madrugada de hoje, ela foi flagrada dentro de um caminhão, onde havia mantido relação sexual com o motorista Benedito Bove, 51 anos, preso por estupro. A mãe da adolescente também foi presa por exploração sexual.

De acordo com o delegado de Polícia Civil da cidade, Enilton Zalla, a garota contou que o acordo feito com Bove previa o pagamento de R$ 150,00, à mãe. A menina disse ainda que os valores obtidos anteriormente foram usados nas despesas da casa, entre elas, o pagamento de um botijão de gás.

Mãe e filha moravam em uma região onde existe uma transportadora e, desta maneira, os "clientes" eram escolhidos. O pai da garota é catador de iscas e está há meses fora de casa.

"Ele nem sabe o aconteceu", completa Zalla. O delegado explica que tanto a mãe quanto o caminhoneiro negam as acusações.

No caminhão foram encontradas peças íntimas da menina, papel higiênico e dois DVDs pornográficos. O material será submetido à perícia e, os laudos que poderão apontar a ocorrência de estupro, devem ser concluídos na próxima semana.

O motorista foi preso em flagrante por estupro com violência presumida. O delegado ressalta que o crime se configura quando há violência ou grave ameaça, entretanto, como a vítima tem menos de 14 anos, a legislação diz que não tem capacidade para decidir.

Já a mãe da menina responderá pelo crime de submeter criança ou adolescente à prostituição ou exploração sexual. A menina foi encaminhada a um abrigo até que a Justiça determine quem ficará com a guarda da adolescente.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions