A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

19/10/2009 15:57

Ministério reconhece técnica usada já há 7 anos em MS

Redação

Através de uma portaria publicada na última sexta-feira, o Ministério da Saúde reconheceu o uso de uma técnica que já estava sendo usada em Mato Grosso do Sul para detectar HIV desde 2002: o uso de papel filtro.

O Iped/Apae(Instituto de Pesquisas, Ensino e Diagnósticos da Apae de Campo Grande) em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul e Secretarias Municipais de Saúde foram os pioneiros a utilizar a técnica.

"Iniciamos as pesquisas em 1997, cinco anos mais tarde começamos oficialmente a realizar os testes com sangue seco, através do uso do papel filtro", explicou o superintendente do Iped/Apae, Carlos Augusto Botelho.

Conforme a assessoria de imprensa do Iped/Apae, o papel filtro usado para diagnóstico é feito de fibras de algodão de elevada pureza e produzido com gramatura específica, possibilitando o padrão na absorção do sangue para se obter resultados confiáveis, além de possibilitar maior agilidade no processo de diagnóstico da infecção pelo HIV.

Para a coordenadora técnica de laboratórios do Iped/Apae, Maria Aparecida de Oliveira Botelho, a técnica contribui para "os ganhos na qualidade das provas que vão ser realizadas".

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions