A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

02/08/2013 14:57

MPE abre inquérito para investigar mansão que tira o sono de moradores

Edivaldo Bitencourt

O MPE (Ministério Público Estadual) instaurou inquérito para investigar a realização de shows e eventos musicais na “Mansão do Carandá”. A casa vem sendo palco de shows que estão tirando o sono dos moradores da região.

A investigação será conduzida pelo promotor de Justiça do Meio Ambiente, Alexandre Lima Raslan. A abertura de inquérito ocorreu quase um mês após a publicação da matéria pelo Campo Grande News, de que os eventos estão causando transtornos aos moradores da região.

A denúncia foi encaminhada pelos moradores das ruas Estrela Norte e Nagib Ouries, no bairro Carandá Bosque, na Capital. O promotor quer saber se há poluição sonora no local e pode acionar o proprietário da residência na Justiça para acabar com os problemas de barulho.

Moradores se queixam do som alto, algazarra, menores consumindo bebida alcoólica e muita sujeira. Moradores contaram que o proprietário da “mansão” foi assassinado em 2005 e que a casa ficou abandonada por cinco anos.

No mês de julho, a Justiça proibiu a realização de shows na Mansão do Parque, que fica dentro do Parque dos Poderes. O juiz da Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, Amaury da Silva Kuklinski, determinou, inclusive que a Polícia Militar realize a apreensão de todos os equipamentos de som em caso de descumprimento da liminar.



Infelizmente em Campo Grande só é permitido tres tipos de empreendimentos que lotam a capital: Loja de Colchão,Farmácia e igrejas...Shows só no interior.
 
Cristina Marques em 03/08/2013 00:54:45
meu pai morreu em 2005 sim desde então ocorreu o inventario que no caso não sou eu que sou inventariante já tentei muitas vezes ser e não venho tendo ezeto ai fica a sim o imóvel abandonado acabando e agora por cima em cômoda os vizinho com algazarras cade a justiça pra pedir a venda da casa
 
julio cesar em 02/08/2013 22:36:38
mpe ajuda este envetario a sair rápido tbem pois a Lucimar não tem pressa pois exufrui dos bens que não e nem dela são dos erdeiros enquanto isso tem erdeiro que não tem nem onde morar o juiz devia ver isto
 
GABRIELA SOUZA em 02/08/2013 18:07:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions