A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

26/04/2017 16:13

MS é o estado com maior índice de presos trabalhando para reduzir pena

Ricardo Campos Jr.
Presos trabalhando para redução de pena em Mato Grosso do Sul (Foto: divulgação)Presos trabalhando para redução de pena em Mato Grosso do Sul (Foto: divulgação)

Mato Grosso do Sul é o estado brasileiro que tem maior índice de presos trabalhando para reduzir a pena, segundo dados do Infopen (Sistema de Informações Penitenciárias) divulgados pelo Governo do Estado nesta quarta-feira (26). Cerca de 5,7 mil detentos exercem alguma atividade, o que corresponde a 37% do total.

O índice está 17 pontos percentuais acima da média nacional de 20%. Conforme a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), fazem parte dos projetos que usam o labor como forma de ressocialização os que estão em regimes mais brandos, como o semiaberto.

Mais da metade dos presos que trabalham são remunerados, conforme o órgão. Alguns exercem atividades dentro das próprias penitenciárias e outros atuam em empresas que firmam convênios com o poder público.

Nos últimos dez anos, o total de detentos trabalhando aumentou em 117%, enquanto o crescimento da população carcerária foi de 65%.

Conforme a Agepen, existem atualmente 145 parcerias com empresas do setor privado para garantir emprego aos reeducandos e outras 27 firmadas com conselhos comunitários. O regime funcional é guiado pela Lei de Execuções Penais e não pela CLT, o que proporciona várias vantagens aos empresários.

Por meio de parceria, neste ano 997 presos já participaram também de cursos de qualificação. Já foram solicitadas ao Depen (Departamento Penitenciário Nacional) outras 4,5 mil vagas em capacitações semelhantes.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions