A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

16/03/2010 12:10

Mutirão carcerário solta 50% dos presos em Aquidauana

Redação

O mutirão carcerário realizado pelo Poder Judiciário liberou metade dos presos provisórios em Aquidauana, a 138 quilômetros da Capital. Dos 93 detidos no município, os juízes concederam alvará de soltura para 46 (49,6%), segundo a assessoria do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul).

Dos 164 detentos condenados, 31% voltaram para as ruas do município. Quatro foram soltos, 23 passaram ao regime condicional e 25 foram contemplados com o regime aberto. Outros 18 foram removidos para cumprir pena no semi aberto.

"O grupo de monitoramento do sistema carcerário, criado pelo TJMS, está empenhado em garantir os direitos dos encarcerados. A humanização no cumprimento das penas e a efetiva garantia dos direitos dos encarcerados são necessidades elementares. Não temos medido esforços neste sentido", afirmou Fábio Possik Salamene, juiz auxiliar da Corregedoria-Geral de Justiça.

De 24 a 26 de março, os trabalhos do mutirão carcerário serão concentrados em Cassilândia. De 7 a 9 de abril será em Bataguassu, seguida de Jardim e Rio Brilhante, de 3 a 7 de maio.

A primeira fase do mutirão carcerário foi realizada no Estado, de agosto a novembro de 2009, com a concessão de 1.302 benefícios de liberdade e 1.794 progressões de regime.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions