A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

24/02/2009 08:30

Onda Verde será implantada em 90 cruzamentos em abril

Redação

O prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), já aprovou o estudo que prevê a implantação do sistema de onda verde para 90 cruzamentos da área central da cidade.

A licitação para a compra de equipamentos já foi aberta e a estimativa do diretor da Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Rudel Trindade Júnior, é que a partir de abril os mecanismos comecem a ser instalados.

De acordo com Trindade Júnior, o processo licitatório é a fase mais criteriosa para a implantação do sistema. Ele acredita que até 10 de abril esta etapa tenha sido concluída.

Passado o trâmite, ele espera que sejam necessários , no máximo, mais 30 dias para equipar os 90 cruzamentos com o sistema de onda verde. Os pontos que receberão equipamentos foram escolhidos após estudo feito pela Agetran.

Cruzamentos da Avenida Afonso Pena, da Rua Calógeras até a Rua 13 de Junho, deverão ser privilegiados, assim como os da Avenida Mato Grosso, desde a Calógeras à Afonso Pena.

O diretor destaca que a implantação do sistema está entre prioridades deste primeiro momento de gestão e deve ser concluído ainda este semestre.

A sincronização dos semáforos faz parte de um projeto que tem como objetivo eliminar congestionamentos na cidade. Neste caso, um ponto exige grande atenção da Agetran: Avenida Via Parque, na altura da Avenida Mato Grosso, que atualmente conta apenas com rotatória e nos horas de pico fica com congestionamento.

Até a possibilidade de construção de um viaduto no local é cogitada, mas a longo prazo. Outro ponto de preocupação é a Avenida Afonso Pena em frente ao Shopping Campo Grande.

Outra questão que requer atenção do diretor é a criação do corredor destinado exclusivamente ao tráfego de ônibus. O projeto está fase de análise da Agetran e deverá ser apresentado ao prefeito ainda no primeiro semestre do ano.

Mortes - Já em relação à redução de acidentes, o diretor revela que já começou a adotar medidas em relação às Avenidas Mascarenhas de Moraes e Euler de Azevedo. No caso da Mascarenhas de Moraes, por exemplo, uma lombada eletrônica será colocada como uma forma de obrigar os motoristas a diminuir a velocidade.

O equipamento será retirado da Avenida Ricardo Brandão, em frente à Uniderp, e remanejado para a Mascarenhas de Moraes.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions