A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

30/07/2009 15:08

Pais e avó escondiam crack em corpo de 2 crianças

Redação

Um casal foi preso na tarde de hoje em Maracaju usando os próprios filhos para tráfico de drogas.

Os dois chegavam à cidade de táxi, vindos de Ponta Porã, junto dos dois filhos, de um sobrinho, de 4 anos, e da avó materna das crianças.

O pai, identificado como Fernando Valério, de 29 anos, assumiu a responsabilidade pela droga. Segundo a PM, a mãe é Sônia Espindola e a avó Desidéria Gimenes.

Ao revistar os pais, a Polícia Militar não achou nada, a surpresa veio na revista aos irmãos, uma menina de 10 anos e um garoto de 9, segundo informações da PM.

As crianças levavam na calcinha e na cueca trouxinhas de crack, que somaram quase 200 gramas do entorpecente. A droga foi escondida pelos pais, contaram os filhos, para escapar de uma possível fiscalização.

O casal revelou ter comprado a droga em Ponta Porã para vender em Maracaju, mas uma denúncia anônima acabou com os planos dos dois.

Para transportar o crack, considerado um dos entorpecentes mais nocivos à saúde, as crianças usavam duas peças intimas cada uma. A primeira a ser revista foi a menina, em um ambiente reservado e por um policial feminina, detalha a PM.

Entre uma calcinha e outra, foram achados os pequenos pacotes com a droga. O mesmo procedimento foi então feito com o garoto, que também tinha o entorpecente na cueca.

Apenas o menino menor, de 4 anos, não levava drogas no corpo, informa a PM. Também não foi encontrado crack com a avó dos garotos.

Todos foram levados à delegacia da Polícia Civil de Maracaju. O conselho tutelar também será acionado, segundo a PM, assim como a Promotoria da Infância e da Adolescência.

O taxista nega qualquer envolvimento com o casal, mas também foi detido.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions