A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

14/05/2008 18:24

Paraguaia presa por torturar garota já está no presídio

Redação

A paraguaia Káthia Elizabeth Cristaldo, presa acusada de torturar e manter em cárcere privado a filha de criação de apenas 12 anos de idade, já está no Presídio Feminino de Ponta Porã, município distante 334 quilômetros de Campo Grande. Ele foi transferida à unidade prisional após autuação feita na delegacia da Polícia Civil da cidade, segundo informação do site Mercosul News.

A garota revelou aos conselheiros tutelares da cidade que sofria agressões diariamente. As agressões eram a socos, golpes de rodo e até facadas. Vizinhos perceberam a situação e acionaram o Conselho Tutelar.

A criança e mãe de criação são paraguaias. A mãe biológica deu a guarda da menina a Káthia com a condição de que a criança estudaria, o que não ocorreu.

Durante todo tempo que esteve com Káthia, em Ponta Porã, a menina ficou trancada em casa. A garota fazia todos os serviços domésticos e cuidava dos três filhos de Káthia. Quando não cumpria o trabalho como a mãe de criação esperava, começavam as agressões.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions