ACOMPANHE-NOS    
MAIO, TERÇA  17    CAMPO GRANDE 10º

Cidades

Pedreiro que matou colega em obra é indiciado por homicídio qualificado

Por Graziela Rezende | 13/11/2013 08:03

A Polícia Civil concluiu esta semana as investigações do assassinato do pedreiro Jeferson Flores Gangora, 27 anos, morto a tiros no dia 20 de março deste ano, no Jardim das Nações, em Campo Grande. Após a briga em uma obra na rua Galdina Ifram Catarinelli, o também pedreiro Valdinei da Silva e Silva, 21 anos, atirou na vítima, que morreu no local.

Segundo os policiais da 5ª Delegacia, Jeferson tentou alertar o colega de trabalho sobre o resultado da construção, quando eles discutiram. No dia seguinte, já na chegada, o pedreiro foi atingido por quatro tiros. Ele estava de costas, quando Valdinei sacou um revólver calibre 38 e o acertou, fugindo logo em seguida.

Com as averiguações, a Polícia intimou o suspeito a comparecer na delegacia. Ele confessou o crime e foi indiciado por homicídio doloso duplamente qualificado, cometido por motivo fútil e sem possibilidade de defesa da vítima. A pena mínima é de 12 anos.

Nos siga no Google Notícias