A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

22/10/2009 10:38

Pega 6 anos de prisão homem que atirou em 2 após colisão

Redação

Gilberto Gongora Ortega foi condenado a seis anos e três meses de reclusão por ter tentado matar dois homens após uma colisão de trânsito, no dia 21 de dezembro de 2003, em Campo Grande.

O julgamento de Gilberto foi realizado nessa quarta-feira. Conforme sentença do juiz Aluízio Pereira dos Santos, da 2ª Vara do Tribunal do Júri, a condenação deve ser cumprida em regime semi-aberto e Gilberto pode recorrer da decisão em liberdade.

Ele tentou matar a tiros Alexandre de Lima Silva e Anderson dos Santos Nunes.

Segundo sentença judicial, Alexandre foi atingido no abdômen, braço e fêmur. Os projéteis que atingiram o braço e o fêmur dele continuam alojados.

Alexandre ainda apresenta "debilidade permanente no antebraço e punho direito, bem como desarmonia estética aparente, com inegável risco de vida, fato que demonstra seu dolo intenso, representando a vontade de assassinar as vítimas", diz o juiz na sentença. Já as lesões em Anderson foram mais leves.

O crime - De acordo com denúncia do MPE (Ministério Público Estadual), Gilberto conduzia um Escort pela rua Spipe Calage, Vila Carlota, quando em um determinado momento, colidiu o veículo em uma motocicleta Yamaha.

A moto era pilotada por Alexandre e tinha Anderson como passageiro. Na colisão, o carro de passeio acabou encostando na perna de Anderson, conforme denúncia do MPE.

Como Gilberto não parou, Alexandre e Anderson passaram a segui-lo. Gilberto e Alexandre estacionaram os veículos que conduziam e os dois, mais Anderson, começaram a discutir. Gilberto então atirou nos rapazes.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions