A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

04/10/2009 07:12

PF indicia dois por suspeita de vazar prova do Enem

Redação

Duas pessoas foram indiciadas pela Polícia Federal como suspeita de vazar a prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

O empresário Luciano Rodrigues e o DJ Gregory Camillo de Oliveira Craid, prestaram depoimento ontem na sede da PF em São Paulo. Em trechos do depoimento divulgado pelo jornal Folha de S. Paulo, Gregory afirmou que conseguiu as provas com a intenção de vendê-las "para repórteres" e "levantar um dinheiro".

De acordo com DJ, o exemplar foi passado por Felipe Pradella que ainda não foi localizado. A Polícia investiga se ele é segurança do consórcio contratado para aplicação e logística do exame ou se coordenava o manuseio dos cadernos de questões.

Programado para ser aplicado hoje em todo país, o exame foi cancelado na quinta-feira pelo ministro da Educação após a descoberta do vazamento. A prova seria aplicada a cerca de 4,5 milhões de candidatos. Na terça-feira (6), o Mec deve anunciar nova data.

(Com informações do Folha Online)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions