A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

17/06/2009 12:28

Polícia Civil e MPE investigam boate e bar de bombeiros

Redação

A Decat (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e Proteção ao Turista) instaurou inquérito para investigar a Boate Tango, de propriedade do tenente coronel do Corpo de Bombeiros, Leonardo Varanda Coimbra.

O clube funciona no Jardim dos Estados sem licença ambiental, conforme o delegado Fernando Villa de Paula.

Vizinhos denunciaram a boate por causa do barulho à noite, segundo o delegado. Além disto, o militar é alvo de investigação feita pela 24ª Promotoria Militar de Campo Grande porque bombeiro militar não pode ser proprietário de clube e similares O caso está sendo conduzido pela promotora Tathiana Corrêa Pereira da Silva Façanha.

Também é alvo do inquérito outro bar da Capital, o Miça, localizado na Avenida Afonso Pena, no Jardim dos Estados, que seria de propriedade do coronel Carlos José Roledo.

O funcionamento de clubes e boates depende de alvará fornecido pelo Corpo de Bombeiros, que fornece laudo sobre as condições de segurança, como extintor, saída de emergência, entre outras medidas.

O Comando do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul informou que deve se manifestar oficialmente sobre as irregularidades ainda na tarde de hoje.

O tenente do Corpo de Bombeiros foi tema de notas na coluna Jogo Aberto, edição do dia 2 de junho. A disposição do gabinete do deputado Marquinhos Trad, o militar quase não aparece na Assembléia, mas ganha R$ 13 mil por mês.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions